Paris sustentável: novo plano da cidade demanda menos carros e mais plantas

Paris planeja transformar sua famosa Avenida Champs Élysées em um jardim de pedestres sustentável.

A avenida de 1,9km conecta pontos turísticos populares do Arco do Triunfo à Place de la Concorde e é uma das ruas comerciais mais famosas do mundo.

A construção começou em 1600, recebeu o nome Champs-Élysées em 1709, e, no início do século XIX, o passeio era um destino popular para caminhadas, socialização e piqueniques.

Porém, atualmente, cerca de 64.000 carros usam a rua diariamente, e a grande maioria dos parisienses evita isso sempre que possível devido ao barulho, poluição, superlotação e sua associação com o protesto econômico dos Coletes Amarelos.

O comitê Champs-Élysées — formado por pessoas que vivem e trabalham na área — faz campanha para uma reforma e redesign da famosa rua da capital francesa desde 2018.

“A lendária avenida perdeu seu esplendor nos últimos 30 anos”, disse o comitê da Champs-Élysées em um comunicado. “Foi progressivamente abandonada pelos parisienses e foi atingida por várias crises sucessivas: os Coletes Amarelos, greves, saúde e economia.”

Uma proposta para o projeto criado pela empresa de arquitetura PCA-Stream inclui a redução do número de pistas de carros e o aumento do espaço para bicicletas, adicionando novas árvores para geração de sombras e absorção de carbono, e a adição de superfícies permeáveis à estrada e nos jardins para ajudar a gerenciar o excesso de água da chuva.

A redução do número de carros e o aumento das plantas reduziriam significativamente a pegada de carbono da avenida.| PCA-Stream.

Arquitetura sustentável e cidades de 15 minutos

A pedestrianização e o esverdeamento das áreas urbanas são cada vez mais comuns como uma solução para emissões de carbono fora de controle, congestionamento, poluição e a relativa falta de espaços ao ar livre para muitos moradores do interior da cidade em todo o mundo.

No ano passado, a prefeita Anne Hidalgo realizou com sucesso sua campanha de reeleição com base no conceito da cidade de 15 minutos, que permitiria aos residentes parisienses viajar de suas casas para o trabalho e todas as comodidades locais com um pequeno passeio de bicicleta.

Após o aumento da localização durante a pandemia Coronavírus e as subsequentes restrições de bloqueio, tal redução nas viagens poderia combater tanto as emissões de C02 quanto a expansão urbana em constante expansão. Em Paris, particularmente, este modelo funcionaria bem ao lado de planos para proibir todos os veículos não elétricos até 2030, reduzindo significativamente tanto os carros de alta emissão quanto as causas dos deslocamentos diários.

Hidalgo aprovou a atualização de £225 milhões para a Champs-Élysées para conclusão antes de 2030. O plano também inclui mudanças na Place de la Concorde, incluindo a completa pedestrianização, que as autoridades esperam estar completa antes dos Jogos Olímpicos de Verão de 2024, que serão sediados na cidade.

O projeto faz parte do projeto de renovação urbana Reinventing Paris, lançado pela primeira vez em 2014, que visa revitalizar a capital francesa com desenvolvimentos inovadores e sustentáveis.

 

Redação: Liam Prichett

Fonte: LiveKindly

Gostou deste conteúdo? Compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Este curso é recomendado para profissionais da área ambiental, gestores públicos, educadores, ativistas ambientais e todos aqueles interessados ​​em se destacar no mercado sustentável. Se você está em busca de uma formação completa e reconhecida na área de gestão ambiental, o Curso Consultor Lixo Zero é ideal para você.

Um dos grandes desafios enfrentados diariamente por muitas empresas é a gestão de grandes volumes...

CAPAS BLOG

Na última Comissão de Meio Ambiente do Senado Federal, que aconteceu no dia 20 de...

CARBON Zeros capas blog - 7

A cidade de Florianópolis, famosa por suas praias de águas cristalinas e paisagens naturais preservadas,...

capa_blog_reduzido ACAD

A gestão de resíduos sólidos desempenha um papel fundamental na busca pela sustentabilidade empresarial, pois...

Versao_Menor

O ODS 11, que busca promover cidades sustentáveis e resilientes, destaca a importância da gestão...

Versao_Menor

Poluição plástica Não vamos reciclar a nossa saída da crise da poluição plástica: precisamos de...

Versao_Menor

Incêndio em Teresópolis: lixão está há 28 anos à espera de regulamentação Município aguarda reunião...

Versao_Menor

A ‘economia azul’ é um conceito emergente que incentiva a exploração sustentável, a inovação e...

PALESTRA
Economia Circular e Lixo Zero

A Economia Circular é outra temática muito importante que a Academia Lixo Zero aborda em seus treinamentos e palestras. Ela se baseia na ideia de que os recursos naturais são limitados e, por isso, é fundamental que sejam utilizados de forma mais eficiente e sustentável, evitando o desperdício e a geração excessiva de resíduos.

A Economia Circular propõe um modelo de produção e consumo que busca manter os materiais em uso pelo maior tempo possível, evitando que sejam descartados e transformando-os em novos produtos ou matérias-primas. Isso significa repensar a forma como os produtos são projetados, fabricados, utilizados e descartados, de forma a reduzir a geração de resíduos e a maximizar o valor dos recursos naturais.

A Academia Lixo Zero oferece essa palestra buscando apresentar os conceitos da Economia Circular, suas oportunidades e desafios, bem como exemplos práticos de empresas que estão adotando esse modelo de negócio. Nossa palestra aborda desde a gestão adequada dos resíduos no modelo lixo zero até a implementação de estratégias de economia circular em diferentes setores da economia.

PALESTRA
ESG, ODS e Lixo Zero

A temática ESG tem ganhado cada vez mais destaque no mundo corporativo, uma vez que as empresas têm percebido que seus resultados financeiros e sua reputação estão diretamente relacionados com seu desempenho ambiental, social e de governança.

Por isso, a Academia Lixo Zero busca apresentar conceitos e boas práticas relacionados à gestão ambiental, responsabilidade social e governança corporativa. Nosso objetivo nesta palestra é ajudar as empresas a compreenderem como esses temas se relacionam e como podem ser implementados em suas atividades cotidianas, para que possam gerar um impacto positivo na sociedade e no meio ambiente.

Além disso, abordamos também os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, que representam um conjunto de metas globais que buscam erradicar a pobreza, proteger o planeta e promover a paz e a prosperidade para todos. Os ODS são uma referência importante para as empresas que desejam adotar práticas sustentáveis e contribuir para o desenvolvimento sustentável global.

PALESTRA
Resíduos, Lixo Zero e Certificação

A Gestão de Resíduos é uma preocupação crescente no mundo moderno, onde a sustentabilidade se tornou um aspecto crucial para a saúde do nosso planeta e o bem-estar das futuras gerações. Visando promover este conceito vital, a palestra “Resíduos, Lixo Zero e Certificação Lixo Zero” foi pensada para atender às necessidades das empresas e organizações que buscam compreender, mas também implementar práticas sustentáveis em sua gestão de resíduos.

O foco principal desta palestra é explorar os fundamentos da gestão de resíduos sob a ótica do Lixo Zero. Ela aborda uma variedade de estratégias eficazes para minimizar a geração de resíduos, destacando a importância da redução na fonte, reutilização e reciclagem. Estas práticas são essenciais não apenas para a redução do impacto ambiental, mas também para a promoção de um estilo de vida e de operações empresariais mais sustentáveis.

Um aspecto chave da palestra é a introdução à Certificação Lixo Zero. Esta seção detalha os critérios necessários para que uma organização seja reconhecida como Lixo Zero, além de discutir os benefícios significativos dessa certificação. Tais benefícios não se limitam apenas a melhorias ambientais, mas também incluem vantagens competitivas no mercado e a valorização da imagem corporativa.